GHITNICK

Qualidade na Análise Técnica

USO DO BLOG

Minha foto
* imagens: clicar com o lado direito do mouse e abrir em nova aba ou nova página* * comentários por e-mail: jghit@centroin.com.br

quinta-feira, 5 de março de 2015

Futuro do Ibovespa (sem after market)

O índice Abril teve um dia mais fraco, oscilando abaixo da média móvel de 200 barras, mas ainda na faixa de suporte. O volume foi de apenas 37 mil cts e os indicadores estiveram fracos também, mas fecharam melhorando. Mercado indefinido.

Abertura

Os mercados vão se equilibrando numa estreita faixa de oscilação, mas estão mais animados hoje: no Japão, o Nikkei225 subiu 0,26%, na Europa, o Stoxx50 avança 0,8% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 ganha 0,2%, até o momento. O dólar ganha mais um pouco entre as moedas e um repique do petróleo é destaque entre as comodities. Entre nós, o Ibovespa fechou em forte baixa, com volume muito abaixo da média de fevereiro. A posição comprada dos investidores não residentes no futuro do dólar passou de +254 mil para 242 mil contratos, novamente apesar da alta no à vista. A posição comprada dos investidores estrangeiros no futuro do índice ficou em +95 mil contratos. No aluguel de ações de Petrobrás e Vale, os saldos de Vale aumentaram. No pré pregão, o futuro Abril opera em repique leve de 0,1%.

quarta-feira, 4 de março de 2015

Futuro do Ibovespa (sem after market)

O índice Abril abriu com gap de baixa e depois nivelou junto às mínimas, em cima da média móvel de 200 barras. O volume foi de 57 mil cts e os indicadores seguem próximos às suas médias móveis. Mercado indefinido.

Abertura

Ainda em acomodação, após novos topos plurianuais, os mercados têm poucas alterações relevantes: no Japão, o Nikkei225 perdeu 0,59%, na Europa, o Stoxx50 recua 0,1% e nos Estados Unidos, o futuro do S&P500 perde 0,3%, até agora. Os juros seguem em alta no Open Market, o dólar está num topo (o maior desde 2003) entre as moedas e a maioria das comodities tem pequenos ganhos. Entre nós, o Ibovespa fechou em alta leve, com volume muito abaixo da média de fevereiro. A posição comprada dos investidores não residentes no futuro do dólar passou de +264 mil para 254 mil contratos, apesar da alta no à vista. A posição comprada dos investidores estrangeiros no futuro do índice passou no período de + 93 mil para +95 mil contratos. No aluguel de ações de Petrobrás e Vale, todos os saldos recuaram. No pré pregão, o futuro Abril opera em baixa de 1,2%.

terça-feira, 3 de março de 2015

Futuro do Ibovespa (sem after market)

O índice Abril teve um dia levemente positivo, mais para o lado, em cima do suporte. O volume foi de apenas 38 mil cts e os indicadores melhoraram um pouco. Mercado indefinido.

Corretoras internacionais

O movimento do dia não está sendo atualizado via provedor.

Futuro do Ibovespa

O índice Abril, após uma semana de congestão, tentou romper para cima, mas acabou ontem invertendo a tentativa, parando ainda na faixa de suporte. O volume anda pequeno (ontem, apenas 44 mil cts) e os indicadores, que estavam de lado, cederam para menos da metade da escala. Mercado indefinido.

Arquivo do blog

Counter