GHITNICK

Qualidade na Análise Técnica

USO DO BLOG

Minha foto
* imagens: clicar com o lado direito do mouse e abrir em nova aba ou nova página* * comentários por e-mail: jghit@centroin.com.br

sábado, 17 de agosto de 2019

Indicadores Gerais do Mercado

Ibovespa semanal dolarizado

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Verdades e Mentiras da Bolsa

Já está disponível, ainda com as mesmas dificuldades, a Edição 878, com "A inversão da curva de juros" (assunto da semana e mais um "Contando as Ondas", na área de análise técnica, além de algumas verdades e mentiras e boatos.

Ibovespa horário (60 minutos)

O Ibovespa começou a testar um forte suporte, com os indicadores em valores mínimos sugerindo repique iminente; a linha da média móvel de 200 barras continua ficando achatada, aumentando a possibilidade de uma acomodação maior do índice.

Abertura

Os mercados vão se recompondo aos poucos: no Japão, o Nikkei225 ganhou 0,06%, na Europa, o Stoxx50 avança 1,21%, e o futuro do S&P500 sobe 0,84%, até agora. Os juros voltaram a ceder um pouco, o dólar está firme e ouro e petróleo estão na mesma. Por aqui, tivemos nova baixa, com volume acima da média de julho. As posições dos futuros ainda não foi atualiza. No pré pregão, o futuro Outubro opera em repique de 1,01%.

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Abertura

Os mercados tentam se acalmar, após o pânico de vendas de ontem: no Japão, o Nikkei225 ainda perdeu 1,21%, mas na Europa, o Stoxx50 avança 0,04%, e o futuro do S&P500 sobe 0,54%, até agora. Os juros pararam de cair, o dólar está firme e ouro e petróleo cedem um pouco. Por aqui, tivemos forte baixa, com volume recorde, muito acima da média de julho. A posição compradora dos investidores estrangeiros no futuro do dólar passou de 88 mil para 89 mil contratos. A posição vendedora dos investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 96 mil para 132 mil contratos, No pré pregão, o futuro Outubro opera em forte repique de 1,76%.

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Abertura

Os mercados voltam a ceder com temores de recessão, sinalizados com a inversão da curva de juros: taxas de curto prazo mais altas que as de longo prazo. No Japão, o Nikkei225 ainda ganhou 0,98%, mas na Europa, o Stoxx50 recua 1,71%, e o futuro do S&P500 cai 1,32%, até agora. Os juros ainda cedem, o dólar está ligeiramente mais forte e o ouro e o petróleo sobem uma fração. Por aqui, tivemos forte alta, com volume cima da média de julho. A posição compradora dos investidores estrangeiros no futuro do dólar passou de 76 mil para 88 mil contratos. A posição vendedora dos investidores estrangeiros no futuro do Ibovespa passou de 93 mil para 96 mil contratos, No pré pregão, o futuro Agosto opera em baixa de 1,62% (vencimento hoje).

Arquivo do blog