Qualidade na Análise Técnica

USO DO BLOG

Minha foto
* imagens: clicar com o lado direito do mouse e abrir em nova aba ou nova página* * comentários por e-mail: jghit@centroin.com.br

quinta-feira, 24 de abril de 2008

Fechamento (futuro)


O índice abriu com gap para baixo, logo coberto, mas ainda operou com baixa no restante do pregão, de forma lateral. Os indicadores tiveram pouca oscilação, ainda que operando em baixa, como previsto, mas terminando em torno das linhas de stop móvel e deixando o mercado indefinido.

Corretoras internacionais, às 15:18 h


Saldo vendedor até agora, basicamente da Credit |Suisse, empenhada na derrubada de Petrobrás:

Abertura

A redução de imposto sobre as operações com ações, provocou forte alta de 9,3% na Bolsa de Shangai, mas isso não entusiasmou os demais mercado asiáticos: no Japão, o Nikkei225 perdeu 0,28%. Na Europa, as blue chips continuam fracas, recuando cerca de 1,2% até o momento, ainda por conta de resultados corporativos. Nos Estados Unidos, onde ontem os índices tiveram pequenas altas, o futuro do S&P500 está perdendo 0,5% até agora, também por conta da temporada de resultados. O dólar vai tendo pequena melhoria entre as moedas. Por aqui, com menor volume, a Bovespa teve um dia de acomodação, após cinco altas seguidas, ainda perto de seus topos históricos nominais. No pré-pregão, o Fut. Junho tem baixa de 0,6% e bom movimento, apresentando nova redução importante na quantidade de contratos em aberto, em relação ao vencimento anterior, mais um sintoma de uma redução da alavancagem do mercado, percebida ainda no menor volume de opções e de ações alugadas.

Arquivo do blog