Qualidade na Análise Técnica

USO DO BLOG

Minha foto
* imagens: clicar com o lado direito do mouse e abrir em nova aba ou nova página* * comentários por e-mail: jghit@centroin.com.br

terça-feira, 22 de julho de 2008

Fechamento (futuro)


Mais um capítulo inesperado na novela da derrubada: novamente as corretoras internacionais derrubaram o mercado a partir de Vale (o aluguel havia subido de repente, ontem, como comentamos mais cedo) e ainda houve o pretexto inicial da queda lá fora (que reverteu). O fato é que venderam do começo ao fim e testam de novo os suportes. O mercado segue indefinido, pois de onde menos se espera, aparece uma manobra, sem ligação com os fatos. Indicadores fracos, melhoraram alguma coisa no final.

Corretoras internacionais, 13:54 h



Hoje, quase todos na venda, liderando Credit Suisse.

Abertura

Hoje, alguns resultados corporativos desagradaram os mercados na Europa (Stoxx50 – 1,8%) e nos Estados Unidos (futuro do S&P500 – 0,8%): Vodafone, Ericsson, Apple, Wachovia entre outros, dando uma sensação de que as economias ainda não tiveram uma recuperação satisfatória. Na verdade, até então os resultados vinham aparecendo melhores do que as projeções e os de hoje não foram tão bons quanto se estimou...Na Ásia, também estamos ao contrário de ontem, com alta quase isolada e forte no Japão (Nikkei225 + 2,97%)...Entre moedas e comodities, nenhuma alteração expressiva. Por aqui, a Bovespa esteve firme ontem, por todo o pregão. O exercício de opções, como previsto, foi dos menores dos últimos tempos (cerca de R$ 650 MM). No aluguel de ações, voltou a ter uma aumento o de VALE5 , enquanto que PETR4 teve forte redução. Entre as corretoras internacionais, o saldo do dia foi levemente comprador. No pré-pregão, o Fut. Agosto opera com baixa de 1,3% e grande volume, sendo que ontem foram encerrados mais 10 mil contratos, com o saldo em aberto, caindo de cerca de 220 mil no início da semana passada para cerca de 180 mil agora. Um patamar parece ter sido formado, resta ver para que lado será a definição, as maiores chances são de que seja para cima.

Arquivo do blog