Qualidade na Análise Técnica

USO DO BLOG

Minha foto
* imagens: clicar com o lado direito do mouse e abrir em nova aba ou nova página* * comentários por e-mail: jghit@centroin.com.br

quinta-feira, 27 de março de 2008

Corretoras internacionais, às 15:00 h



Equilíbrio, num dia de movimento mais fraco, Credit Suisse vende e Hedging-Griffo, sua controlada, compra...

Abertura

Na Ásia, os mercados estiveram mais fracos hoje, talvez refletindo uma forte e inesperada queda na China, sem motivo especial aparente; no Japão, o Nikkei225 perdeu 0,80%. Na Europa, ao contrário, as blue chips estão firmes, com a continuação do repique do setor financeiro (Stoxx50 + 1,16%). Nos Estados Unidos, depois de um dia fraco, o futuro do S&P500 vai ganhando cerca de 0,3% até o momento. Juros, moedas e comodities estão mantendo os preços de ontem, de modo geral. Por aqui, com volume médio, a Bovespa teve bem mais baixas do que altas, mas os índices terminaram em alta (especialmente o IBrX50), com os ganhos de Vale e Petrobrás, novamente objeto de compras pelas corretoras internacionais, que mudaram de humor nesta semana, pelo menos por enquanto. Os pretextos foram os boatos desmentidos de nova descoberta de petróleo (divulgados no domingo, mas só lembrados a partir de terça-feira à tarde...) e a interrupção das negociações da Vale com a Xstrata. No pré-pregão, o Fut.Abril vai ganhando perto de 0,3%, com pouco movimento, na tentativa de uma quinta alta seguida, série que não tem sido freqüente.

Arquivo do blog