Qualidade na Análise Técnica

USO DO BLOG

Minha foto
* imagens: clicar com o lado direito do mouse e abrir em nova aba ou nova página* * comentários por e-mail: jghit@centroin.com.br

sexta-feira, 20 de junho de 2008

Fechamento (futuro)


O índice caiu por todo pregão, com pequeno repique final. Os indicadores recuaram para valores mínimos, sinalizando mercado sobrevendido e mantendo o mercado indefinido.

Corretoras internacionais, às 14:13 h


Saldo vendedor, mais alto com o leilão de Suzano (caso da Hedging Griffo). Credit vendendo PETR4, BBDC4 e UBBR11.

Mapa de recentes visitantes ao Blog


Incluindo Kuala Lumpur (Malasia) e Accra (Gana)...

Abertura

As medidas de contenção de inflação na China e na Índia seguem enfraquecendo os mercados asiáticos, o que sempre é uma reação imediata, já que todos sabem que a inflação não é uma coisa boa: no Japão, o Nikkei225 perdeu 1,33%. Nos mercados ocidentais, as blue chips européias recuam 1% (Stoxx50) e o futuro do S&P500 perde 0,6%, até o momento, depois de um dia relativamente estável ontem. O petróleo teve forte queda ontem, por conta da retirada dos subsídios na China, mas hoje repica um pouco e os metais até estão subindo em Londres. Por aqui, a Bovespa operou com volume pouco abaixo da média recente e Petrobrás teve forte derrubada em cima da notícia sobre a China, que em nada a afeta (destaque para um corretora nacional, que estaria operando para clientes estrangeiros...). Vão se multiplicando os sinais de sobrevenda na maioria dos ativos, com divergências gráficas e outros alertas e, a rigor, a queda provocada pelo recorde de vendas dos estrangeiros neste mês (já perto de R$ 6 bilhões) foi até moderada. No pré-pregão, o Fut. Agosto vai cedendo 0,5% com poucos negócios.

Arquivo do blog